Bitcoin quebra recorde de preço e impulsiona novas máximas de outros criptoativos

Após anuncio do aporte da Tesla, mercado de criptoativos registra valor de mercado recorde e vários ativos digitais quebram recorde de preço

(Somyot Techapuwapat / EyeEm/Getty Images)

O anúncio de investimento bilionário da Tesla em bitcoin não mexeu apenas com a maior criptomoeda do mundo, mas com todo o mercado. Desde que a informação foi divulgada, na última segunda-feira, 8, vários criptoativos atingiram o maior preço de sua história — inclusive o próprio bitcoin.

Nas horas seguintes à divulgação do aporte da fabricante de carros elétricos, o bitcoin subiu de cerca de 39 mil dólares para pouco mais de 48 mil dólares durante a madrugada desta terça. Apesar de já ter recuado um pouco, para cerca de 47 mil dólares, a alta de 9 mil dólares é a maior, em dólares, já registrada em um único dia em toda a história da criptomoeda.

Além disso, vários outros ativos, impulsionados pela dominância de mais de 63% do mercado pelo bitcoin, seguiram o movimento e atingiram preços recordes. Foi o caso do ether (ETH), o criptoativo da rede Ethereum, que chegou muito próximo da marca de 1.800 dólares, favorecido também pelo lançamento do mercado de contratos futuros pela CME; e da Dogecoin (DOGE), a criptomoeda que nasceu de um meme e vem em um movimento de alta há algumas semanas, desde que grupos se mobilizaram para valorizar o ativo digital, que chegou a US$ 0,085.

Outros projetos que aparecem entre os 20 maiores do mundo também se beneficiaram do otimismo do mercado com relação aos criptoativos. O Cardano (ADA), que já acumulava quase 100% de ganhos na semana, chegou a US$ 0,72. A Binance Coin, criptomoeda de uma das principais exchanges do mundo, atingiu 115 dólares. A Polkadot, que em agosto de 2020 valia 2,70 dólares, ultrapassou a marca de 24 dólares.

Todos esses movimentos de alta também fizeram com que a capitalização de mercado de todos os criptoativos somados atingesse um novo recorde, chegando a 1,4 trilhão de dólares.

Os números mostram o impacto que a adoção institucional dos criptoativos pode causar. Se antes o movimento de investidores institucionais nas criptomoedas estava restrito às gestoras de investimento e empresas fora do topo do ranking de valor de mercado, a entrada da Tesla representa uma mudança no cenário e, inclusive, especialistas já especulam qual será a próxima gigante a anunciar sua entrada no mercado cripto. O banco de investimentos RBC Capital Markets, por exemplo, citou a Apple como a próxima da lista.

 

Carregar Mais Publicações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ERROR: si-captcha.php plugin: GD image support not detected in PHP!

Contact your web host and ask them to enable GD image support for PHP.

ERROR: si-captcha.php plugin: imagepng function not detected in PHP!

Contact your web host and ask them to enable imagepng for PHP.

Veja também

Mercado Bitcoin aguarda IPO da Coinbase e pode abrir capital no Brasil

Maior corretora de criptoativos brasileira, empresa já tem bancos para coordenar abertura …