Foram cumpridos nove mandados de prisão no Rio de Janeiro, Goiás e Ceará. Investigados devem responder por furto, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

Polícia Civil apreende cartões e celulares com suspeitos de fraudar conta bancária de idosa no DF — Foto: PCDF/Divulgação

A Polícia Civil prendeu, nesta sexta-feira (19), nove suspeitos de invadir a conta bancária de uma idosa, no Distrito Federal, e contratar empréstimos em nome dela. O prejuízo estimado é de R$ 400 mil. Após a fraude, os criminosos utilizaram máquinas de cartões de crédito para distribuir o dinheiro entre os golpistas.

Os alvos foram detidos em Planaltina de Goiás (GO), Fortaleza (CE) e Rio de Janeiro (RJ), durante a operação Spider, coordenada pela corporação no DF, com apoio das polícias dos estados. Eles devem responder por prática de crimes de furto mediante fraudes, organização criminosa e lavagem de dinheiro. A pena prevista para esses crimes é de até 26 anos de reclusão.

Operação Spider: veja como agia grupo suspeito de invadir conta bancária no DF — Foto: Arte/TV Globo
Operação Spider: veja como agia grupo suspeito de invadir conta bancária no DF — Foto: Arte/TV Globo.

Segundo a investigação, os criminosos invadiram a conta bancária da idosa em julho deste ano. Após tomar empréstimo em nome da vítima, transferiram os valores para contas de “laranjas”, de empresas fictícias e pessoas físicas.

Suspeito de invadir conta bancária de idosa e contratar empréstimo de R$ 400 mil — Foto: PCDF/Divulgação
Suspeito de invadir conta bancária de idosa e contratar empréstimo de R$ 400 mil — Foto: PCDF/Divulgação

 

 

 

Escreva um comentário