• terça-feira , 26 março 2019

Trabalhadores têm até esta sexta para sacar PIS/Pasep

Para saber quem tem direito ao saque consultas devem ser feitas na Caixa

Dinheiro pode ser sacado na Caixa (Gustavo Luizon/VEJA.com)

O prazo para o saque do abono salarial ano-base 2016 termina nesta sexta-feira (28). Inicialmente, o prazo era 29 de junho, mas a prorrogação foi autorizada em julho por resolução do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat).

Tem direito ao abono salarial ano-base 2016 quem estava inscrito nos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) pelo menos cinco anos, trabalhou formalmente por pelo menos 30 dias em 2016 com remuneração mensal média de até dois salários mínimos e teve seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

A quantia a que cada trabalhador tem direito depende do tempo em que ele trabalhou formalmente em 2016. Quem esteve empregado o ano todo recebe o valor cheio, que equivale a um salário mínimo (954 reais). Quem trabalhou por apenas 30 dias recebe o valor mínimo, que é um doze avos, e assim sucessivamente.

Trabalhadores da iniciativa privada devem procurar a Caixa Econômica Federal. A consulta pode ser feita pessoalmente, pela internet, na página do banco, ou pelo telefone 0800-726 02 07. Para servidores públicos, a referência é o Banco do Brasil, que também fornece informações pessoalmente, pela internet ou pelo telefone 0800-729 00 01.

De acordo com informações da Caixa, mais de 4 milhões de pessoas com menos de 60 anos com direito ao benefício não resgataram sua cota do PIS – o total liberado para saque é de 5,7 bilhões de reais. Fonte: Portal Veja

Veja Também