• terça-feira , 18 setembro 2018

Rollemberg anuncia saída de 22 nomes do GDF para concorrerem às eleições

A maioria dos novos candidatos é filiada ao PSB e fará parte da tropa de choque do governador. Cada um priorizará as bandeiras ligadas às áreas as quais se dedicaram durante os últimos anos

Até o fim da tarde, Rollemberg deverá anunciar os nomes que substituirão a tropa de choque do governador durante as eleições

 

O Governo do Distrito Federal vai trocar 22 nomes do primeiro escalão. São chefes de secretarias, administrações  regionais, assessorias e empresas públicas que deixaram o GDF, nesta sexta-feira (06/04), para concorrer a cargos eletivos. Apesar do anúncio, no entanto, o governador Rodrigo Rollemberg não divulgou os nomes dos novos chefes de pastas, com exceção do coronel do Corpo de Bombeiros, Hamilton Santos Esteves Júnior, que assume a Secretaria das Cidades no lugar de Marcos de Alencar Dantas.

Dantas deverá concorrer a uma vaga na Câmara dos Deputados. A maioria dos novos candidatos é filiada ao PSB e fará parte da tropa de choque do governador. Cada um priorizará as bandeiras ligadas às áreas as quais se dedicaram durante os últimos anos, mas os discursos terão, em comum, a defesa da gestão socialista. Rollemberg se dirigiu ao secretariado como “companheiros e companheiras” e discursou em tom de campanha sobre a importância dos candidatos nas ruas.

Desembarcam seis secretários, dois secretários adjuntos, seis subsecretários, cinco administradores, dois diretores e um controlador de empresas públicas. As exonerações serão publicadas em edição extra do Diário Oficial do DF ainda nesta sexta, bem como os nomes dos substitutos de cada área. O desembarque acontece em cumprimento à lei eleitoral, que prevê a desincompatibilização a seis meses da eleição. O prazo, acaba neste sábado (7).

Entre os nomes que deixaram o cargo estão figuras de peso, que acompanharam o governador desde o início da atual gestão, como a secretária de Planejamento, Orçamento e Gestão, Leany Lemos (PSB). Ela concorrerá ao Senado. Com vasto conhecimento da máquina pública e das contas do GDF, Leany está preparada para rebater críticas a decisões espinhosas de Rollemberg, como a de deixar em aberto a última parcela do reajuste do funcionalismo local.

Fundadora do PSDB-DF, Maria de Lourdes Abadia (PSB) trocou o ninho tucano pelo partido de Rollemberg — a filiação foi assinada nesta quinta (5). A socialista deve concorrer à vice na chapa do governador ou a deputada federal, cargo de sua preferência.

O subsecretário de Políticas Estratégicas na Secretaria de Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos, Virgílio Neto (PSB) também deixou os quadros do PSDB para integrar o palanque de Rollemberg e disputará uma vaga na Câmara Legislativa.

Medalhista olímpica, a secretária de Esportes, Turismo e Lazer, Leila Barros (PSB), também deixa os quadros do governo para se candidatar a deputada distrital ou, até mesmo, senadora. E o secretário de Meio Ambiente, Igor Tokarski sai para concorrer ao Legislativo local. Ele participou das eleições de 2014, quando conquistou 7.161 votos.

Confira os nomes dos gestores que estão deixando o GDF

Secretarias

Cidades    – Marcos Dantas
Esporte, Turismo e Lazer – Leila Barros
Meio Ambiente – Igor Tokarski
Planejamento, Orçamento e Gestão – Leany Lemos
Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude – Aurélio de Paula Guedes Araújo
Projetos Estratégicos – Maria de Lourdes Abadia

Secretários-adjuntos

Ciência, Tecnologia e Inovação da Secretaria de Economia, Desenvolvimento, Inovação, Ciência e Tecnologia – Thiago Jarjour
Mobiliário Urbano e Participação Social da Secretaria das Cidades – Marlon Anderson da Costa

Subsecretários

Integração de Ações Sociais da Fábrica Social da Secretaria do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos – Virgílio do Rego Monteiro Neto
Políticas e Direitos da Secretaria do Trabalho – Rodrigo Oliveira de Castro Dias
Políticas para Mulheres da Secretaria do Trabalho – Raíssa Alessandra Rossiter
Administração Geral da Secretaria de Educação – Isaías Aparecido da Silva
Educação Básica da Secretaria de Educação – Daniel Damasceno Crepaldi
Planejamento da Secretaria de Educação – Fábio Pereira de Sousa

Administradores regionais

Candangolândia, Núcleo Bandeirante e Park Way – Roosevelt Vilela
Gama – Maria Antônia Rodrigues Magalhães
Lago Sul e Jardim Botânico – Alessandro Fabrício Clemente Paiva
Plano Piloto – Gustavo de Magalhães Júnior
Sobradinho II e Fercal (interino) – Charles de Magalhães Araújo Júnior

Outros stores

Controladoria-Geral do Distrito Federal    – Henrique Moraes Ziller (controlador-geral)
Sociedade de Transportes Coletivos (TCB) – André Brandão Peres (diretor-presidente)
Sociedade de Transportes Coletivos (TCB) – Roberto Medeiros Santos (diretor administrativo e financeiro)

Veja Também