• sábado , 23 março 2019

Realidade aumentada na concessionária agiliza conserto do seu carro

Montadora Ford usa tecnologia para encontrar mais rapidamente problemas em automóveis

(Ford/Divulgação)

São Paulo – A realidade aumentada é uma tecnologia que ficou conhecida em 2016 por causa do jogo para celular Pokémon Go. Essa tecnologia coloca sobre a nossa visão do mundo real uma camada adicional, digital, que mostra dados ou imagens para entreter ou para informar o usuário. A montadora Ford começou recentemente a utilizar essa tecnologia para conectar técnicos a engenheiros, uma forma de agilizar o diagnóstico de falhas nos seus veículos.

Para ver as informações, os técnicos utilizam óculos que contêm uma pequena tela. Na fase inicial, os aparelhos são fornecidos pela Epson e o software foi adaptado pela brasileira Total Power. Os óculos são parecido com o Google Glass, o dispositivo de realidade aumentada que nunca chegou ao grande público. Em vez de você ver diretamente apenas o mundo à sua frente, você também vê um aplicativo que mostra instruções.

Joaquim Arruda, diretor de serviços ao cliente da Ford América do Sul, conta em entrevista a EXAME que a solução de realidade aumentada é nova e será levada a outros mercados – ainda não definidos –, e ressalta que o Brasil é o primeiro a receber o serviço, que reduz custos de deslocamento de equipe. Para ele, a iniciativa ajuda a poupar tempo no atendimento.

“A arquitetura eletrônica e elétrica é muito mais complexa do que era no passado. Se houver uma falha, eletrônica de difícil diagnóstico, hoje um técnico liga para a, central para falar com engenheiro. A partir de agora essa comunicação será em realidade aumentada. O engenheiro manda instruções já na tela dos óculos”, declarou Arruda, durante a Campus Party Brasil 12, onde a tecnologia usada pela montadora está em exposição.

Fonte Exame

Veja Também