• quinta-feira , 14 dezembro 2017

Qualcomm entra com pedido para banir vendas do iPhone X nos EUA

(Foto: Reprodução/TechCrunch)

Em mais um episódio da briga entre Qualcomm e Apple, a fabricante de processadores agora quer proibir a venda de alguns modelos do iPhone nos Estados Unidos, incluindo o iPhone X.

A Qualcomm entrou com uma ação contra a Apple na quinta-feira, 30, pedindo para a comissão de comércio dos EUA banir a importação e venda de iPhones que usam modem da Intel. Isso inclui o iPhone X, 8, 8 Plus, 7 e 7 Plus vendidos pelas operadoras norte-americanas T-Mobile e AT&T. A fabricante de processadores diz que esses modelos violam suas patentes.

“A Apple pode importar iPhones (independentemente de quem fornece os modens) que não violam as patentes listadas nessa ação, mas a Apple não tem direito de violar patentes da Qualcomm através da venda dos seus iPhones”, defende a Qualcomm.

As empresas brigam nos tribunais desde o começo do ano, quando a Apple cobrou US$ 1 bilhão da Qualcomm por royalties que pertenceriam à Apple. No episódio mais recente antes do atual pedido de bloqueio de vendas, a Apple acusou a Qualcomm de violar suas patentes nos processadores Snapdragon 800 e 820.

Veja Também