• segunda-feira , 12 novembro 2018

Polícia Civil desarticula laboratório de drogas em Valparaíso

Após a produção do entorpecente no município goiano, os traficantes procuravam outros para realizar o comércio em Ceilândia

Os agentes encontraram no local do crime três veículos, R$ 20 mil e uma arma de fogo, além do entorpecente, que passará por perícia
(foto: PCDF/Divulgação)

Agentes da 15ª Delegacia de Polícia (Ceilândia) desarticularam um laboratório de drogas em Valparaíso de Goiás, município do Entorno do Distrito Federal distante cerca de 30 km de Brasília. A operação, batizada de Adrenal, foi deflagrada na manhã desta quarta-feira (4/4).

Até a última atualização desta reportagem, duas pessoas haviam sido presa e os policiais procuravam um terceiro suspeito. Segundo a Polícia Civil, os traficantes produziam skunk, um tipo de maconha considerado puro. Os investigadores ainda não contabilizaram a quantidade de entorpecente apreendido. Os agentes encontraram no local do crime três veículos, R$ 20 mil e uma arma de fogo.

A droga era produzida em Valparaíso e comercializada em Ceilândia. Os suspeitos não faziam a venda direta do entorpecente. Eles procuravam outros traficantes para fazer o serviço.

As investigações começaram há oito meses e os criminosos devem responder por tráfico de drogas e porte de arma de fogo.

 

Veja Também