• quinta-feira , 13 dezembro 2018

Pequeno grupo de funcionários do Facebook tem acesso a contas de usuários

Reportagem do The Wall Street Journal relata que empresa tem recurso de segurança apenas para funcionários

 

São Paulo – Você sempre se perguntou se funcionários do Facebook podem ter acesso à sua conta na rede social sem que você fique sabendo? De acordo com uma reportagem do The Wall Street Journal, a resposta é sim.

Um pequeno grupo de funcionários da empresa tem a capacidade de entrar contas, sem que seus donos fiquem sabendo disso.

A companhia reconhece que abusos podem acontecer e, quando identificados, os funcionários envolvidos são demitidos. Isso aconteceu na última semana. Um engenheiro do Facebook contou a uma mulher que havia conhecido por meio de um aplicativo sobre a sua capacidade de acessar informações privadas dos usuários, e, assim, perdeu seu emprego, segundo fontes do jornal americano. Casos assim ocorreram diversas vezes os últimos anos.

Funcionários que já trabalharam nessa divisão da empresa, bem como alguns que ainda estão nela disseram que suas ações são monitoradas de perto pelos seus superiores. Vale notar que o acesso a contas de usuários não acontece com senhas.

Os engenheiros do Facebook que acessam contas de usuários precisam justificar aos chefes os motivos pelos quais seria necessária tal ação. A empresa considera ser melhor que haja uma autorização prévia, por escrito, pelo próprio dono da conta.

Olho de Sauron

Desde que o escândalo de vazamento de dados para a empresa de marketing político Cambridge Analytica veio à tona, o Facebook está sobre escrutínio da mídia. Nesse período, ficamos sabendo, por exemplo, que Mark Zuckerberg tem um recurso que lhe permite colocar um tempo de expiração para as suas mensagens enviadas a contatos via Facebook Messenger. Mas essa não é a única funcionalidade exclusiva para integrantes da equipe da rede social.

O Wall Street Journal reporta que os funcionários da empresa têm um recurso chamado de alerta de Sauron, em uma referência ao olho que tudo vê do vilão Sauron, da trilogia literária de Senhor dos Aneis (criada por J.R.R.Tolkien). Basicamente, ele avisa sobre qualquer acesso suspeito às suas contas no Facebook.

Veja Também