• quinta-feira , 14 dezembro 2017

Morador do DF faz compra de R$ 25 e fatura R$ 500 mil em sorteio do Nota Legal

Prêmios variam de R$ 100 a R$ 500 mil; recompensas somaram R$ 3 milhões, sorteadas entre consumidores que indicaram CPF. Sorteio incluiu compras de 1º de novembro de 2016 a 30 de abril.

Nota Legal sorteia 12,6 mil prêmios que somam R$ 3 milhões (Foto: Tony Winston/Agência Brasilia)

O governo do Distrito Federal sorteou, nesta segunda-feira (20), prêmios em dinheiro para 12,6 mil bilhetes do programa Nota Legal. Entre os vencedores, está um morador da Asa Sul que gastou R$ 25 em uma compra no Aeroporto Internacional de Brasília e faturou o maior prêmio distribuído nesta tarde: R$ 500 mil.

Ao todo, os prêmios somaram R$ 3 milhões, distribuídos entre os consumidores que indicaram o CPF em compras de 1º de novembro de 2016 a 30 de abril deste ano.

A segunda maior recompensa, no valor de R$ 200 mil, foi para um morador de Taguatinga Norte, em uma compra de R$ 13,70 em um restaurante. Um outro contribuinte, morador de Samambaia Norte, recebeu a mesma quantia. Ele gastou R$ 732,76 em uma loja de construção.

Do quarto ao sexto contribuintes sorteados, foram distribuídos R$ 100 mil. Uma das pessoas que recebeu essa quantia mora no condomínio Nova Colina, em Sobradinho, e gastou R$ 7,67 em compras em uma padaria. Do sétimo ao décimo, cada um ganhou R$ 50 mil (veja abaixo lista com todos os valores dos prêmios).

Lista com os contribuintes que receberam prêmios do Nota Legal nesta segunda-feira (20) (Foto: Tony Winston/Agência Brasilia)

Para o sorteio, todas as notas fiscais eletrônicas tiveram o mesmo peso. Assim, quem fez uma compra de R$ 5 teve as mesmas chances de quem comprou algo no valor de R$ 5 mil.

“[Pelo resgate de crédito], mais se beneficia com o Nota Legal quem ganha mais e, portanto, gasta mais. Agora, temos o estímulo, porque quem faz uma compra de R$ 1, de R$ 10 pode ganhar o maior prêmio do sorteio”, disse o governador do DF, Rodrigo Rollemberg, em material divulgado pelo Palácio do Buriti.

Ganhei?

Segundo a Secretaria de Fazenda, os premiados serão avisados individualmente do resultado por meio da área restrita do programa. Além disso, o consumidor também pode acessar o site do Nota Legal para saber se foi um dos sorteados.

Quem recebeu o prêmio terá 180 dias para indicar uma conta-corrente ou poupança, a contar de 5 de dezembro, quando os bilhetes serão divulgados. Ou seja, a indicação da conta deverá ser feita até 19 de maio de 2018.

De acordo com a pasta, o depósito será feito no mês seguinte à indicação feita pelo ganhador. As pessoas que ganharam mais de R$ 10 mil ou menores de idade terão de se apresentar pessoalmente à Secretaria de Fazendo. Caso não haja resgate do prêmio, o dinheiro retorna para o Tesouro do DF.

Sorteio semestral

Um novo sorteio de prêmios do programa está previsto para o próximo semestre, entre março e maio de 2018. O valor total também será de R$ 3 milhões. Para a disputa, serão considerados os comprovantes lançados de 1º de maio a 31 de outubro de 2017.

Todas as notas fiscais eletrônicas emitidas com o CPF valem para o sorteio, mesmo que o estabelecimento não participe da modalidade de resgate de créditos, como postos de combustíveis.

Lista com todos os valores dos prêmios:

  • 1 prêmio de R$ 500 mil
  • 2 prêmios de R$ 200 mil
  • 3 prêmios de R$ 100 mil
  • 4 prêmios de R$ 50 mil
  • 10 prêmios de R$ 10 mil
  • 30 prêmios de R$ 5 mil
  • 50 prêmios de R$ 1 mil
  • 500 prêmios de R$ 200
  • 12 mil prêmios de R$ 100

Veja Também