• domingo , 16 dezembro 2018

Manifestantes fecham a BR-040 para pedir melhorias em ValparaísoManifestantes fecham a BR-040 para pedir melhorias em Valparaíso

No local, o trânsito segue pesado. Os mobilizados querem a construção de uma passarela e melhor iluminação

Um grupo de cerca de 15 manifestantes fez um bloqueio, por volta das 6h30 desta sexta-feira (23/9), em uma das vias da BR-040, sentido Plano Piloto, na altura da Cidade Jardins, em Valparaíso, no Entorno do Distrito Federal. O ato pedia melhorias de infraestrutura na cidade. Entre as reivindicações, eles querem a construção de uma passarela e melhorias na iluminação.

Walder Galvão/Esp. CB

O ato terminou pouco depois das 7h40, depois que um membro da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) entrou em contato com o grupo para informar que uma reunião para tratar o assunto será marcada. O bloqueio da rodovia, mesmo que parcial, complicou o trânsito para quem tenta acessar o Plano Piloto. Dois veículos da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e dois veículos da Policia Civil acompanharam a movimentação.

De acordo com o presidente da Associação Administrativa dos Condomínios em Valparaíso, Alessandro Solano, a manifestação visa a manutenção em três focos: segurança, iluminação e melhorias em infraestrutura na BR-040. “Temos um grande índice de acidentes. Precisamos de uma passarela para as pessoas atravessarem, além de uma reforma no asfalto das vias. Os assaltos também são constantes, aqui é um lugar muito escuro e perigoso”, relata.

Em um momento da mobilização, os participantes do ato bloquearam todas as faixas da via, mas a PRF orientou os manifestantes à permanecerem apenas no acostamento. Não houve conflitos. Munidos de faixas pedindo melhorias no local, as pessoas seguiam as orientações da polícia.

De acordo com a PRF, o bloqueio no acostamento também afetou o tráfego. Os carros que seguiam da marginal precisaram passar pela parte interditada para conseguir acesso às pistas. Os veículos trafegavam com lentidão até a altura do movimento.

Veja Também