• domingo , 24 março 2019

Ibaneis anuncia criação de Centro de Atendimento à Mulher em estação do Metrô

CEAM será na 102 Sul; governador prometeu inauguração em 29 de março.

Ibaneis durante solenidade do dia Internacional da Mulher. — Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

O governador Ibaneis Rocha (MDB) anunciou nesta sexta-feira (8) a criação de um Centro de Atendimento à Mulher (CEAM) na Estação 102 Sul do Metrô do Distrito Federal. Segundo ele, o CEAM será inaugurado no dia 29 de março.

“Vai funcionar durante todo dia e à noite vai ter uma equipe revezando. Vai ser aberto 24 horas e a partir daí queremos estender para várias estações do metrô”.

O anúncio foi feito durante a solenidade do Dia Internacional da Mulher, no Palácio do Buriti. Ibaneis disse que o centro terá atendimento com psicólogos, psiquiátricas e também policiais.

Além do CEAM da 102 Sul, o governador anunciou que quer criar outros três centros de atendimento em unidades do metrô. Segundo ele, será criada uma nova unidade a cada três meses.

Além dos centros, CEAM, ele prometeu manter a Casa da Mulher Brasileira. Para isso, o GDF deve desfazer o convênio com o governo federal e retomar o terreno.

“Estamos negociando com o Governo Federal pra que eles devolvam o terreno pra gente e vamos negociar. Eu quero abrir (a Casa da Mulher) nas cidades satélites, um projeto melhor que atenda todas as cidades.”

Ibaneis faz outros anúncios em solenidade do dia Internacional da Mulher. — Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

Ibaneis faz outros anúncios em solenidade do dia Internacional da Mulher. — Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

Tornozeleiras eletrônicas

Outro anúncio do governo é o uso de 6 mil tornozeleiras eletrônicas para monitorar homens acusados de agredir mulheres.

“Estamos utilizando o que temos de melhor em tecnologia e agora com as tornozeleiras, a secretaria de Segurança vai acompanhar 24h não só a mulher mas também vai saber o momento em que o agressor estiver se aproximando.”

A iniciativa ainda depende de um convênio com o Tribunal de Justiça do DF (TJDF). A data prevista para assinar o convênio é 25 de março.

Mamografia  — Foto: GloboNews

Mamografia — Foto: GloboNews

Outras promessas

Mutirão de Mamografia: o GDF anunciou um mutirão de mamografia entre os dias 8 e 14 de março. Os exames, de graça, serão no Hospital Materno Infantil de Brasília (Hmib), no Centro de Radiologia de Taguatinga e nos hospitais regionais de Samambaia, Ceilândia, Taguatinga, Gama e Santa Maria.

Exoneração do diretor de Hospital de Brazlândia: de acordo com o governador, o diretor do hospital perdeu a confiança e não poderá mais ocupar cargos de confiança. Segundo Ibaneis, “é um recado para quem não quiser partir para essa situação. Atenda bem a comunidade, fiscalize os servidores”.

Ampliação das escolas militares: Ibaneis disse que a medida “está em estudo”. De acordo com o governador, a ideia do Ministro da Educação é “transformar Brasília em um projeto-piloto de educação”.

Calamidade em Vicente Pires: o governador do DF disse que estuda decretar situação emergencial na região administrativa. Ainda segundo Ibaneis, o governo fez contato com o Tribunal de Contas para fazer novas licitações e projetos para Vicente Pires, que afirmou estar em “situação de calamidade pública”.

Fonte G1

Veja Também