Filho do presidente afirmou que quadro de Bolsonaro “evoluiu para melhor”. Na quarta (14/7), chefe de governo precisou ser internado devido a uma obstrução intestinal

(crédito: @FlavioBolsonaro/CB/D.A Press).

O senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) afirmou que o quadro de saúde do presidente Jair Bolsonaro melhorou na manhã desta quinta-feira (15/7). O chefe do Executivo segue internado após ser acometido por uma obstrução intestinal, mas de acordo com o filho dele, não há necessidade de uma cirurgia para conter o problema no sistema digestivo do presidente.

Flávio publicou uma mensagem nas redes sociais nesta manhã para atualizar a situação de Bolsonaro. “Presidente Jair Bolsonaro evoluiu para melhor, acordou bem disposto e, a continuar assim, não precisará fazer cirurgia! Obrigado a todos pelas orações!”, escreveu o senador.

 

Bolsonaro está internado no hospital Vila Nova Star, em São Paulo. Desde a manhã de quarta-feira (14) ele está sendo acompanhado por médicos. Primeiro, o presidente foi levado para o Hospital das Forças Armadas (HFA), em Brasília, após reclamar de fortes dores abdominais e apresentar uma crise de soluço persistente. Segundo Flávio, o mandatário teve de ser intubado, por precaução, em um leito de unidade de terapia intensiva (UTI).

À noite, Bolsonaro foi transferido para São Paulo. O primeiro boletim médico emitido pela equipe que cuida do presidente também rechaçou a possibilidade de ele ser submetido a uma cirurgia. Segundo o comunicado, ele permaneceria em intenso “tratamento clínico conservador”.

 

Escreva um comentário