• sexta-feira , 20 julho 2018

Escola em Ceilândia, no DF, descarta materiais novos em lixo na calçada

Moradores encontraram livros, cola, tesoura e brinquedos inutilizados junto a lixo orgânico e descartes. Secretaria de Educação disse que vai abrir sindicância.

Escola em Ceilândia, no DF, descarta materiais novos em lixo na calçada

Na calçada em frente a uma escola pública em Ceilândia, região administrativa do Distrito federal, moradores encontraram materiais novos descartados. Pintado na fachada, uma mensagem contraditória: “Proibido jogar lixo ao longo do muro”.

Pintura em fachada de escola em Ceilândia, no DF, alerta que é proibido jogar lixo no local (Foto: TV Globo/Reprodução)

Livros, brinquedos pedagógicos, tesouras, cartolinas em branco, e objetos de primeiros socorros no meio do lixo. O repórter Wellignton Valadão, da TV Globo, esteve no local nesta quinta-feira (11) e verificou que havia caixas de giz intocadas e tubos de cola cheios.

Os materiais novos estavam misturados a lixo orgânico, supostamente descartados por funcionários da própria escola, o Colégio Classe 33. A Secretaria de Educação informou que vai abrir uma sindicância para apurar o que ocorreu.

Materiais novos, como tesoura e cola, descartados como lixo em calçada em frente a escola pública no DF (Foto: TV Globo/Reprodução)

O morador da região Moisés Vieira disse à reportagem que viu quando o material foi descartado em frente à escola, mas acreditou que realmente fosse lixo. “Eu não imaginei que fosse material didático né?”

“Brinquedo pedagógico eu vi ali, até falei com a minha esposa que quando eles fazem evento aqui cobram das crianças tudo e agora tá aí tudo jogado fora.”

Brinquedos pedagógicos novos misturados a lixo descartado em frente a escola em Ceilândia, no Distrito federal (Foto: TV Globo/Reprodução)

Por conta da qualidade dos materiais descartados, alguns moradores e crianças reviraram sacolas e caixas em busca de brinquedos, livros e outros urtensílios que pudessem reaproveitar. O padeiro José Antônio foi um deles. “Coisa demais aí. Isso é um desperdício muito grande. Não tem condições.”

Crianças reviram lixo descartado em frente a escola em Ceilândia, no DF, em busca de materiais novos (Foto: TV Globo/Reprodução)

“Eu acho um absurdo, porque eu tenho certeza que tem um monte de material aí que poderia ser reaproveitado e não vai ser, vai ser jogado fora”, disse a cabeleireira Luana Alves.

A dona de casa Márcia Maria, que tem filhos na escola, se disse decepcionada com a situação. “É uma judiação, porque eles pedem as coisas a mais pra gente né? Não é só o que a criança usa, eles falam que tem mais coisa pra depois jogar fora assim?”

“Se sobrasse, tinha que devolver pra mãe dos alunos, porque até mesmo a gente sua pra comprar.”

Lixo descartado em calçada em frente a escola em Ceilândia, no Distrito Federal (Foto: TV Globo/Reprodução)Lixo descartado em calçada em frente a escola em Ceilândia, no Distrito Federal (Foto: TV Globo/Reprodução)

Lixo descartado em calçada em frente a escola em Ceilândia, no Distrito Federal (Foto: TV Globo/Reprodução)

Veja mais notícias sobre a região no G1 DF.

Na calçada em frente a uma escola pública em Ceilândia, região administrativa do Distrito federal, moradores encontraram materiais novos descartados. Pintado na fachada, uma mensagem contraditória: “Proibido jogar lixo ao longo do muro”.

Pintura em fachada de escola em Ceilândia, no DF, alerta que é proibido jogar lixo no local (Foto: TV Globo/Reprodução)

Livros, brinquedos pedagógicos, tesouras, cartolinas em branco, e objetos de primeiros socorros no meio do lixo. O repórter Wellignton Valadão, da TV Globo, esteve no local nesta quinta-feira (11) e verificou que havia caixas de giz intocadas e tubos de cola cheios.

Os materiais novos estavam misturados a lixo orgânico, supostamente descartados por funcionários da própria escola, o Colégio Classe 33. A Secretaria de Educação informou que vai abrir uma sindicância para apurar o que ocorreu.

Materiais novos, como tesoura e cola, descartados como lixo em calçada em frente a escola pública no DF (Foto: TV Globo/Reprodução)

O morador da região Moisés Vieira disse à reportagem que viu quando o material foi descartado em frente à escola, mas acreditou que realmente fosse lixo. “Eu não imaginei que fosse material didático né

“Brinquedo pedagógico eu vi ali, até falei com a minha esposa que quando eles fazem evento aqui cobram das crianças tudo e agora tá aí tudo jogado fora.”

Brinquedos pedagógicos novos misturados a lixo descartado em frente a escola em Ceilândia, no Distrito federal (Foto: TV Globo/Reprodução)Brinquedos pedagógicos novos misturados a lixo descartado em frente a escola em Ceilândia, no Distrito federal (Foto: TV Globo/Reprodução)

Brinquedos pedagógicos novos misturados a lixo descartado em frente a escola em Ceilândia, no Distrito federal (Foto: TV Globo/Reprodução)

Por conta da qualidade dos materiais descartados, alguns moradores e crianças reviraram sacolas e caixas em busca de brinquedos, livros e outros urtensílios que pudessem reaproveitar. O padeiro José Antônio foi um deles. “Coisa demais aí. Isso é um desperdício muito grande. Não tem condições.”

Crianças reviram lixo descartado em frente a escola em Ceilândia, no DF, em busca de materiais novos (Foto: TV Globo/Reprodução)Crianças reviram lixo descartado em frente a escola em Ceilândia, no DF, em busca de materiais novos (Foto: TV Globo/Reprodução)

Crianças reviram lixo descartado em frente a escola em Ceilândia, no DF, em busca de materiais novos (Foto: TV Globo/Reprodução)

“Eu acho um absurdo, porque eu tenho certeza que tem um monte de material aí que poderia ser reaproveitado e não vai ser, vai ser jogado fora”, disse a cabeleireira Luana Alves.

A dona de casa Márcia Maria, que tem filhos na escola, se disse decepcionada com a situação. “É uma judiação, porque eles pedem as coisas a mais pra gente né? Não é só o que a criança usa, eles falam que tem mais coisa pra depois jogar fora assim?”

“Se sobrasse, tinha que devolver pra mãe dos alunos, porque até mesmo a gente sua pra comprar.”

Lixo descartado em calçada em frente a escola em Ceilândia, no Distrito Federal (Foto: TV Globo/Reprodução)Lixo descartado em calçada em frente a escola em Ceilândia, no Distrito Federal (Foto: TV Globo/Reprodução)

Lixo descartado em calçada em frente a escola em Ceilândia, no Distrito Federal (Foto: TV Globo/Reprodução)

Veja mais notícias sobre a região no G1 DF.

Veja Também