• terça-feira , 19 março 2019

Dia da Bandeira: entenda o significado da bandeira do Brasil

No Dia da Bandeira, entenda mito sobre significado do símbolo nacional e a história real por trás das cores

São Paulo – A bandeira do Brasil nunca esteve tão em evidência como nos últimos anos, onde é exibida com paixão em protestos e comícios políticos. Hoje (19), no Dia da Bandeira, vale entender o seu significado.

Certamente, você já escutou por aí esta versão sobre o o que está por trás da bandeira: as cores representam as riquezas naturais do Brasil. O amarelo seria o ouro e outros minerais; o verde representaria as vastas matas; e o azul representaria os mares e rios. Para completar, o branco representaria a paz.

Tal explicação, apesar de criativa, é falsa. As cores da atual bandeira, criada com o início da República no país, em 1889, remetem à antiga bandeira imperial que vigorou entre 1822 e 1889.

O verde remete à Casa de Bragança, dinastia de Dom Pedro I, primeiro imperador do Brasil. Já o amarelo remete à Casa de Habsburgo, dinastia da primeira mulher de Dom Pedro, Leopoldina.

As duas cores já estavam presentes na bandeira imperial, no mesmo esquema da bandeira atual: um losango amarelo sobre um fundo verde. No lugar do círculo azul com a frase positivista “Ordem e Progresso”, havia um escudo com o coroa imperial e ramos de tabaco e café. Naquela bandeira também já existiam estrelas brancas representando cada província.

Bandeira do Império: vigorou no Brasil entre 1822 e 1889
Bandeira do Império: vigorou no Brasil entre 1822 e 1889

Na passagem para a bandeira que conhecemos hoje, criada após a transição da Monarquia e para a República e pensada após uma bandeira provisória que vigorou entre 15 e 19 de novembro de 1889, as cores monárquicas foram mantidas.

Para alguns historiadores, a explicação no estilo “fake news” do significado da bandeira republicana pode vir de uma tendência surgida após a passagem para o modelo republicano, quando entusiastas desse modelo político tentaram apagar a ligação que a bandeira atual ainda tinha com o passado monárquico no país.

Bandeira atual

A bandeira republicana foi criada por Raimundo Teixeira Mendes, Miguel Lemos e Décio Vilares. Além das cores, traz 27 estrelas, representando os estados brasileiros. As estrelas seguem fielmente suas posições no céu visto do Rio de Janeiro.

Na ocasião de sua criação, o astrônomo Manuel Pereira Reis, que trabalhava no Observatório do Rio de Janeiro, foi chamado para determinar a posição astronômica das estrelas.

A Lei nº 8.421 de 1992 ainda determina que, caso mais um estado brasileiro seja criado ou algum seja extinto, a bandeira deve ser atualizada e mudar, representando adequadamente o número de estrelas.

Já “Ordem e Progresso” vem do lema positivista do francês Auguste Comte: “O amor como princípio e a ordem como base; o progresso como meta”.

Fonte: Portal Exame

 

Veja Também