• quarta-feira , 15 agosto 2018

Desemprego sobe no DF e supera índice nacional, aponta IBGE

Foto: Reprodução/Agência Brasil

A taxa de desocupados com no DF aumentou 0,8 em comparação com o trimestre anterior, foi de 13,2% para 14%, e ficou acima do índice nacional de 13,1% para esse primeiro trimestre de 2018. Segundo a pesquisa, 15,8% das mulheres e 12,3% dos homens fazem parte dessa estatística. O nível de pessoas acima de 14 anos que trabalham foi de 56,2%.

Composta por aqueles com mais de 14 anos que desistiram de procurar emprego, mas trabalhariam se tivessem a oportunidade, a taxa de desalento da força de trabalho ampliada também subiu na capital (1,6%) e superou em 0,1 pontos percentuais os 1,5% do trimestre passado e se tornou a maior da série para o Distrito Federal, que teve o quinto índice mais baixo das Unidades da federação. Ficou atrás de Rio de Janeiro, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, São Paulo e Paraná.

No DF, a parte da força de trabalho que é subutilizada também aumentou para se tornar a maior da série, ao chegar em 21,9% depois os 19,8% do trimestre anterior. Embora tenha ficado abaixo da média nacional (24,7%), o crescimento registrado na taxa do país foi de 0,9 pontos percentuais enquanto o da capital subiu mais de 2.

O rendimento médio real de todos os trabalhos teve um aumento em comparação com o primeiro trimestre do ano anterior, e cresceu de R$ 3.750,00 para R$ 4.027,00. Ainda é o maior valor de todas as UFs, e pouco menos do dobro do índice nacional (R$ 2.173,00).

Veja Também