• segunda-feira , 18 fevereiro 2019

Custo da posse de arma pode chegar a R$ 10 mil

Não deve ter nenhuma mudança dramática’

Bolsonaro assina o decreto que flexibiliza a posse de armas (Evaristo Sa/AFP)

Delegados da Polícia Federal calculam em até R$ 10 mil o custo para um cidadão obter uma arma e ter a sua posse.

Nesta conta estão o preço de uma pistola (entre R$ 4 mil a R$ 5 mil); curso de tiro e exame psicológico (de R$ 2 mil a R$ 3 mil) e toda papelada de documentação (de R$ 1 mil a R$ 2 mil).

Para a Associação Nacional dos Delegados da Polícia Federal o decreto assinado ontem por Bolsonaro pouco alterou nas regras de acesso a uma arma.

“Não teve nenhuma mudança dramática”, avalia o delegado Edivandir Paiva, que comanda a entidade. Fonte: Portal Veja

Veja Também