• quinta-feira , 14 dezembro 2017

Bancos de leite humano do Distrito Federal precisam de doações

De acordo com a Secretaria de Saúde, se mantida a média de doação de leite registrada este ano, o produto faltará em dezembro e janeiro

 
Os bancos de leite humano do DF estão com estoques baixos e, se a média de doações atual for mantida, a quantidade não será suficiente para os meses de dezembro e janeiro. Segundo a Secretaria de Saúde, no fim de ano e no período de férias, há queda na coleta e, por isso, o órgão pede que as mães ajudem a reforçar o estoque.

De janeiro a outubro deste ano, houve o recolhimento de aproximadamente 14 mil litros de leite, doados por 4.863 mulheres. O total é o bastante para alimentar 8.904 bebês. Contudo, segundo a Secretaria de Saúde, Brasília apresenta uma média de 50 mil nascimentos por ano, o que faz com que os bancos atinjam apenas 10% da população.
O órgão enfatiza que é necessário que os estoques dos bancos fiquem acima do consumo, pois o leite demora pelo menos três dias para ser entregue às mães. O alimento passa por um controle de qualidade, e os resultados são liberados cerca de 48 horas depois.

Como doar leite materno

Para doar, é preciso ligar para o telefone 160, opção 4, e agendar a coleta. Também é possível se cadastrar pelo site Amamenta Brasília. O leite precisa ser armazenado em frasco de vidro esterelizado e com tampa de plástico, além de estocado no congelador pelo máximo de 15 dias.

Veja Também