• quinta-feira , 15 novembro 2018

App Ubook leva audiolivros para fora do Brasil

Aplicativo brasileiro vai atuar em países da América Latina

Em um espaço deixado pela Amazon, que ainda não trouxe o serviço Audible ao Brasil, empresas de audiolivros oferecem seus aplicativos para Android, iPhone e web com acesso a conteúdos narrados em português. A Ubook, que diz ser a maior do segmento na América Latina, agora internacionaliza o negócio para México, Colômbia e Chile, com audiolivros em espanhol.

A empresa tem a meta de levar o aplicativo a 12 países até o final de 2018, apostando em um modelo de assinatura mensal (24,90 reais) ou anual (199 reais). Com produção própria de audiolivros, em troca de exclusividade com as editoras, o aplicativo tem um acervo de 15 mil obras, sendo 10 mil delas em inglês, 2,5 mil em espanhol e 2,5 mil em português. Vale notar que estão disponíveis revistas e cursos, além dos livros em si.

Para economizar internet, aplicativos desse gênero contam com um recurso à la Spotify: download de capítulos para o smartphone. Se não quiser ocupar espaço no aparelho, é possível também realizar a transmissão online.

Com a ideia de captar clientes mesmo que eles não tenham contas bancárias, o aplicativo adota várias formas de pagamento, como a inclusão da mensalidade na fatura do celular, algo que a Ubook obteve por meio de parcerias com operadoras (Claro, Oi, TIM e Vivo).

Para desenvolver seu aplicativo e expandir a operação, a Ubook recebeu 8 milhões de reais em investimentos diretos. Parte do montante veio de aportes dos fundadores, da Koolen & Partners e da Cypress M3

Assim como a Netflix, que tem suas produções originais, o aplicativo também conta com programas para autores independentes que queiram lançar seus livros diretamente na sua plataforma digital.

Para concorrer com o Amazon Audible, além do pagamento em real sem cobrança de IOF, o Ubook oferece acesso ilimitado ao seu acervo em português. A gigante americana dos livros dá créditos para comprar alguns títulos por mês no seu plano mais básico.

Vagas para o Audbile já circularam no LinkedIn nos últimos anos, mas o serviço ainda não chegou oficialmente ao mercado brasileiro, nem há previsão para tanto.

Outros aplicativos de audiolivros interessantes são Tocalivros e 12Minutos.

Veja Também